Sintricom e Sindicato dos Químicos juntos na luta por direitos trabalhadores na Bayer

Sintricom e Sindicato dos Químicos juntos na luta por direitos trabalhadores na Bayer

Os trabalhadores da Comau, que prestam serviços na Bayer em São José, aprovaram essa semana a proposta de acordo coletivo negociada pelo presidente do Sintricom, Marcelo Rodolfo.
Além da importante conquista que garante o pagamento de PLR, vale alimentação, diversas cláusulas sociais, entre outros benefícios, os trabalhadores também receberam o apoio do Sindicato dos Químicos.
Os diretores do Sindicato dos Químicos Welligton Cabral e Davi de Souza Jr reforçaram a parceria com o Sintricom na luta contra a retirada de direitos e pelo pagamento dos 30% de adicional periculosidade aos trabalhadores da Comau que foi cortado pela Bayer sob alegação de adequações na planta da fábrica. Ambas entidades cobram documentos da Bayer que justifiquem o corte do benefício.

A assembleia também contou com o apoio do Sindicato da Construção Civil de Jacareí e o Sindicato dos Condutores do Vale do Paraíba.

Sindicato dos Químicos reforça parceria com Sintricom na luta por direitos dos trabalhadores da Comau, na Bayer

sintrico