CUT Vale do Paraíba se reúne e traça ações em prol dos trabalhadores

CUT Vale do Paraíba se reúne e traça ações em prol dos trabalhadores

Dirigentes sindicais filiados à CUT (Central Única dos Trabalhadores) e lideranças sociais do Litoral Norte realizaram no último sábado (8), um encontro para debater formas de reestruturar a luta e fortalecer a classe trabalhadora frente as constantes ameaças a vida e a retirada de direitos promovidas pelos governos municipais, do Estado e principalmente do “desgoverno” do Presidente Bolsonaro.

A sub-sede do Sintricom em Caraguatatuba, palco de reuniões e lutas que ajudaram a marcar a história e a organização da CUT na região, sediou o evento organizado pela Coordenação regional da CUT Vale do Paraíba e Litoral Norte, comandada pelo dirigente sindical Zé Carlos dos Condutores.

A reunião foi prestigiada pelo presidente da CUT-SP, Douglas Izzo, que ressaltou a importância das cidades do Litoral Norte para a economia e para a conjuntura do país. “Temos aqui a Petrobras importante patrimônio para o Brasil e para os brasileiros, que está sendo ameaçada pelo governo Bolsonaro que está vendendo todo esse patrimônio a preço de “banana”, disse Douglas Izzo, presidente da CUT-SP.

“Companheiro Douglas veio pra cá para dialogar com as lideranças Litoral Norte. Nós da Coordenação da CUT estamos vindo aqui nas atividades dos companheiros do Sintricom. Estivemos no TEBAR e na UTGCA. Queremos ampliar nossa organização sindical na região, fortalecendo a luta com os trabalhadores”, disse o coordenador da CUT Vale do Paraíba, Zé Carlos dos Condutores.

DE VOLTA ÀS ORIGENS

A criação de uma base avançada da Coordenação da CUT Vale do Paraíba no Litoral Norte foi uma das deliberações aprovadas pelo coletivo. O presidente em exercício, Marcelo Rodolfo, argumentou e colocou a sub-sede do Sintricom em Caraguatatuba à disposição para receber o embrião deste novo projeto.

“Desde que eu cheguei no sindicato a gente via uma necessidade muito grande de ter uma base para os trabalhadores aqui. Se vocês acharem que nossa Casa é um bom lugar, nós temos espaço aqui para abrigar esse embrião que a CUT está colocando. Nosso espaço está aberto. Eu fico muito contente, pois nossas lutas, que não são poucas, se somam. A gente já participou de muitos enfrentamentos políticos aqui embaixo”, disse o presidente Marcelo Rodolfo.

“Desde que eu cheguei no sindicato a gente via uma necessidade muito grande de ter uma base para os trabalhadores aqui. Se vocês acharem que nossa Casa é um bom lugar, nós temos espaço aqui para abrigar esse embrião que a CUT está colocando. Nosso espaço está aberto. Eu fico muito contente, pois nossas lutas, que não são poucas, se somam. A gente já participou de muitos enfrentamentos políticos aqui embaixo”, disse o presidente Marcelo Rodolfo.

Para o presidente da CUT-SP, Douglas Izzo, a ideia de ter uma casa para as reuniões no Litoral Norte é muito importante para a luta. “Quero agradecer ao Marcelo pela acolhida, saudar o Zé Carlos, coordenador da CUT. Esse é um espaço importante para gente reunir presencialmente a tropa, discutir política e avançar na luta por direitos quando passar esse momento de maior risco de contaminação do Covid-19. E eu me coloco à disposição para vir aqui debater”, disse o presidente da CUT-SP, Douglas Izzo.

Liderança nos movimento sociais e ex-vereadora pelo PT em Caraguatatuba, Cássia Gonçalves, destacou a representatividade do encontro.

“O Sintricom sempre foi a nossa referência, da CUT, da organização do movimento sindical, não só em Caraguatatuba, como também na região. Hoje a gente tem aqui vários companheiros representando a Apeoesp, a Maíra – diretora estadual do Sinasefe – que está fazendo uma luta extraordinária. Temos aqui o companheiro Rogerio que é vice-presidente do Sifuspesp que dialoga muito bem com outras forças do movimento sindical. Temos o Gersão dos Sindicato dos Bancários. Companheiro Ripa do Sindicato dos Condutores do Vale do Paraíba”, disse Cassia Gonçalves.


sintrico