RMVale volta para a fase vermelha do Plano SP

RMVale volta para a fase vermelha do Plano SP

Shoppings, bares, restaurantes, academias, sindicatos e comércios em geral terão que fechar as portas; regras passam a valer na próxima segunda (25)

O governo de São Paulo anunciou nesta sexta-feira (22) a regressão do Vale do Paraíba para a fase vermelha do Plano São Paulo a partir da próxima segunda-feira (25). Com isso, apenas serviços essenciais poderão funcionar. Shoppings, bares, restaurantes, academias e comércios em geral terão que fechar as portas.

O endurecimento da flexibilização da quarentena foi tomado por conta do aumento de casos de Covid-19 e a transmissão do coronavírus. Na região, cidades como São José dos Campos, Cachoeira Paulista e Cruzeiro se anteciparam ao anúncio do estado e regrediram os municípios para a fase vermelha na última semana.

Além da RMVale, cinco regiões do estado recuaram para a fase vermelha e Marília foi mantida na etapa mais restrita do Plano SP. Todas as outras regiões estão na fase laranja. Nenhuma região será classificada nas fases amarela e verde do Plano SP até 8 de fevereiro.

A meta da terceira classificação em 14 dias é diminuir a curva de contaminação e, consequentemente, reduzir o risco de colapso no sistema de saúde.

Segundo a secretária de Desenvolvimento Econômico, Patricia Ellen, o novo decreto será publicado neste sábado (23) e as regras passam a valer na segunda (25).

“Sem as novas medidas e o comportamento continuar, teríamos, em 28 dias, o risco de o estado ter um esgotamento de leitos de UTI Covid”, afirmou.

Com crescimento acelerado da doença, o Vale regrediu em razão do aumento da taxa de ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), que chegou a 78,9%.

SINTRICOM MANTÉM ATENDIMENTOS VIA WHATSAPP

Até a liberação, o Sintricom fará o atendimento aos trabalhadores e empresas via whatsapp (12) 98805-1698

fonte: Jornal O Vale com imprensa Sintricom


sintrico